Siga nossas redes sociais!

Cinema

5 motivos porque adoramos Mundo Jurássico: Domínio

Avatar photo

Publicado

a

Mundo Jurássico: O domínio é um dos lançamentos cinematográficos mais esperados de 2022. Sequela para o Mundo Jurássico de sucesso: Mundo dos Dinossauros (2015) e Mundo Jurássico: Reino Ameaçado (2018), o filme promete maiores emoções para os fãs da franquia com o regresso de Claire (Bryce Dallas Howard) e Owen (Chris Pratt) para outra aventura no mundo dos dinossauros.

Posto isto, a EPOPCULTURE separou 5 razões para veres o Mundo Jurássico: Domínio nas salas de cinema.

 

CAPÍTULO FINAL DA TRILOGIA DO MUNDO JURÁSSICO

A saga do Parque Jurássico, iniciada por Steven Spielberg, recentemente retomada nos cinemas como Mundo Jurássico em 2015, protagonizada por Chris Pratt e Bryce Dallas Howard, que se preparam para o capítulo final desta nova trilogia com o lançamento do tão esperado Mundo Jurássico: Domínio, dirigido por Colin Trevorrow.

Neste terceiro filme, uma multidão de dinossauros fugiu para a cidade, e agora os humanos de todo o mundo têm de lidar com este problema e encontrar uma forma de coexistir pacificamente com eles.

 

RESTITUIÇÃO DO ELENCO ORIGINAL DO PARQUE JURÁSSICO

Se há uma razão para os fãs do Parque Jurássico estarem entusiasmados com o Mundo Jurássico: Domínio, é que marca o regresso das personagens principais da trilogia original da franquia, após vários anos: Laura Dern (Dra. Ellie Sattler), Sam Neill (Dr. Alan Grant) e Jeff Goldblum (Dr. Ian Malcolm) – que já tinham regressado no filme anterior, Threatened Kingdom.

O realizador Colin Trevorrow confirmou que as três personagens irão desempenhar um papel fundamental no filme e, como cientistas dinossauros experientes devido aos filmes do Parque Jurássico, irão ajudar Claire (Bryce Dallas Howard) e Owen (Chris Pratt).

 

DINOSSAUROS QUE COEXISTEM COM OS HUMANOS

No Mundo Jurássico: Domínio, os dinossauros vagueiam livres no mundo humano após a destruição de Isla Nublar no Mundo Jurássico: Reino ameaçado. Alguns deles conseguem coexistir pacificamente na sociedade, mas outros trazem problemas.

Neste terceiro filme, uma multidão de dinossauros escapou para a cidade, outros foram adquiridos em leilão e fazem mesmo parte de um mercado ilegal. Seja como for, com estes dinossauros à solta, os humanos em todo o mundo têm de lidar com este problema ou encontrar uma forma de coexistir pacificamente com eles.

 

MAIS DINOSSAUROS

Mundo Jurássico trouxe uma surpresa para os fãs ao descobrirem que o amado velociraptor”Blue” se reproduziu, por isso vamos ter a bebé Beta.

Mas não para por aí, o prólogo do filme mostra um vislumbre da Era Mesozóica, sendo possível observar dinossauros e certas espécies que ainda não estavam presentes na franquia. Por outras palavras, podemos esperar uma presença ainda maior de dinossauros.

 

MUNDO JURÁSSICO: O DOMÍNIO É UMA EXPERIÊNCIA IDEAL PARA AS SALAS DE CINEMA

Desde que Steven Spielberg encantou (e, ao mesmo tempo, assustou) o público com o lançamento do Parque Jurássico em 1993, o Parque Jurássico recebeu uma trilogia e tornou-se uma das principais franquias de Hollywood, que voltou recentemente aos teatros com o Mundo Jurássico, numa nova trilogia que termina em O Reino.

Com a presença de muitos dinossauros, impressionantes efeitos especiais aliados a uma ação de cortar a respiração, aventura e cenas de suspense, esta é uma experiência imersiva e excitante ideal para ser conferida no maior ecrã de cinema.

 

Mundo Jurássico: O domínio abre nos cinemas do Brasil no dia 2 de Junho. Verifique a classificação e ganhe já o seu bilhete para esta aventura.

 

 

 

 

LÊ TAMBÉM

O que esperar de “Mundo Jurássico: Domínio”


 

Os especialistas do Conteúdo da Cultura Pop.

Mais artigos