Siga nossas redes sociais!

Anime & Manga

Epopculture sugere…“SPY X FAMILY”

Avatar photo

Publicado

a

Se gostaste do filme de 2005 que uniu Angelina Jolie e Brad Pitt dentro e fora do ecrã, “Mr. & Mrs. Smith”, vais certamente adorar este anime que estreou há dois meses atrás e já está a fazer as delícias de todos os fãs deste género, não só pela narrativa que nos envolve desde o primeiro minuto, mas também pelos momentos de ação, humor e, não vamos mentir, pela estrela desta produção que é a pequena Anya, bem-disposta, desastrada e muito divertida como ela só.

O sucesso estrondoso do manga fez-se sentir, com mais de 12 milhões de cópias vendidas no Japão e 20 milhões em todo o mundo. Parece que todos ficaram rendidos a esta família pouco convencional, ilustrada por Tatsuya Endo, que deu os seus primeiros passos como assistente para as séries “Blue Exorcist” e “Fire Punch” e vê agora, aos 41 anos, o seu primeiro trabalho (sem contar com os one shot publicados) ser extremamente bem recebido pelo público.

Nesta história de espiões e assassinos, somos Twilight (ou Loid Forger), um agente Às do disfarce, utilizando diversas identidades para concluir com sucesso as missões que lhe são incumbidas. Frio, calculista mas com um bom coração que não consegue esconder por muito tempo, é-lhe dado um novo trabalho onde se vê obrigado a construir uma família e a adotar a Anya, uma pequena órfã que esconde um segredo que o próprio Twilight desconhece: ela consegue ler a mente das pessoas e este seu poder confere os momentos mais caricatos e invulgares durante a trama, fazendo com que a pequena Anya se torne, na maior parte das vezes, no foco principal. Ela é adorável, desastrada, um pouco parecida com a Bunny Tsukino de “As Navegantes da Lua” com os seus momentos “cabeça de serradura” e em muito pouco tempo, consegue conquistar o espião de serviço, que revê na própria “filha” momentos da sua triste infância e acaba por recordar o verdadeiro motivo que o levou a escolher esta profissão: Fazer com que mais nenhuma criança no mundo precise de chorar.

Claro que a este duo, faltava uma mãe atenciosa, carinhosa e amável, que por acaso também é assassina. Assim surge Yor, uma jovem adulta que esconde a sua verdadeira identidade dos olhos da sociedade e por isso mesmo, salta de trabalho em trabalho para que não descubram que é exímia na arte da execução. Obviamente que este pormenor não passa despercebido a Anya que num dos momentos em que os três se encontram ao acaso e exatamente quando Loid está à procura de uma noiva falsa, acha uma excelente ideia juntar um espião com uma assassina e ter os dois como pai e mãe respetivamente. A realidade é que ambos os adultos pensam que estão a esconder muito bem as suas identidades, mas a pequena órfã sabe de tudo e ainda se ri com as mentiras que estão sempre a contar um ao outro para se encobrirem mutuamente.

Os momentos de ação estão também mais do que garantidos, com uma animação muito bem conseguida a cargo da CloverWorks e da Wit Studio, envolvidos em animes de sucesso como “Darling in the FranXX”, “The Promissed Neverland” ou “Attack on Titan”. As explosões, perseguições e combates corpo a corpo apresentam bastante fluidez e continuidade, não nos mostrando demasiada informação no ecrã e deixando bem explícito em cada frame o que está a acontecer. Ainda neste quesito, um dos seus pontos mais fortes é o traço com que foram pensados e desenhados os cenários e as cidades deste anime, bem como a própria opening que nos remete aos filmes de detetives dos anos 70, deixando o espectador automaticamente familiarizado com o ambiente que nos querem transmitir.

E o que mais posso dizer? Bem, acho que o melhor mesmo é acompanhares todos os episódios lançados até ao momento na Crunchyroll e renderes-te também a esta história emocionante.

Metade humana, metade geek, esta espécie rara do universo gaming não dispensa uma tarde de jogatinas como nos bons velhos tempos com os vizinhos do bairro. Mal sabia ela que esta pequena paixão um dia se ia tornar num verdadeiro amor pela Cultura POP, daqueles para a vida toda. Jogos, animes, k-pop, séries, filmes, venham eles e é uma miúda feliz. Fazer gameplays é totalmente a sua praia, por isso criou o seu ninho da felicidade no Youtube, onde se dedica ao melhor hobby de todos, que a faz dar as maiores gargalhadas e permitiu encontrar a comunidade onde pertence, sem limites nem julgamentos.

Mais artigos