Connect with us

Destaques

O Legado de Zelda

Avatar photo

Published

on

É inegável que o franchise “The Legend Of Zelda” é uma das mais carismáticas e queridas dentro do universo Nintendo e agora, vamos poder revisitar a sua origem, com o “The Legend of Zelda: Skyward Sword HD” para a Switch.

Aos primeiros acordes da “Hyrule Castle Theme”, sabemos exatamente para onde vamos. Aliás, para nós, fãs da franquia “The Legend Of Zelda” é tão natural voltarmos aos locais onde já fomos felizes. Os campos, as montanhas, os castelos e também os inimigos de Hyrule são o sítio onde adoramos estar, seja acompanhados da nossa Ocarina ou das Bestas Divinas, as opções são (quase) ilimitadas quando falamos desta saga que continua nos dias de hoje a encantar os jogadores e a angariar novos fãs, muitos deles filhos de quem outrora pegou no primeiro cartuxo com o nome “The Legend Of Zelda” gravado, em 1986, num RPG onde Link e a sua espada derrotavam os seus inimigos e no primeiro videojogo com a capacidade de salvar o progresso feito e retornar mais tarde exatamente no local onde deixámos o nosso protagonista.

Contudo, não só por estas terras caminhou o nosso amigo e aventureiro Link. Já viajou pela linha do tempo, entre mundos, diferentes estações e até navegou em alto mar, num universo quase submerso por Ganon, o principal antagonista que volta na sua forma mais brutal em “Breath Of The Wild”, o culminar de toda a história. Existe tanto por onde explorar que mesmo 35 anos depois continuamos cheios de certeza de Link e Zelda nos vão acompanhar durante muito mais décadas, fiéis ao elo que os une, numa viagem que já experimentou cartuxos, CD’s, DVD’s e até o mais recente formato digital.

O tempo passa por eles, mas a verdade é que não lhes deixa marcas. A certeza disto vem da expectativa que surge, sempre que um novo Nintendo Direct se avizinha. O momento alto e que todos esperam, dentro de todas as outras novidades, acaba sempre numa única pergunta: Qual é o novo lançamento dentro do universo Zelda? Seja um reboot, um remaster ou um jogo completamente novo, não nos falta vontade de continuar a explorar histórias que já sabemos de cor (ou não), mas que nos fazem querer voltar vezes sem conta. Seja em Hyrule, na Ilha Koholint, em Termina ou até mesmo Skyloft, temos agora a oportunidade de revisitar “Skyward Sword”, o jogo que fechou o ciclo Nintendo Wii em grande estilo e que agora encontra na Switch a sua versão HD. A jogabilidade melhorada foi algo que cativou os fãs da saga, aliás, podemos até afirmar que este foi o videojogo que melhor aproveitou o sensor de movimentos, captado pelo Motion Plus. Através do Wii Remote e do Nunchuck, controlávamos Link pelos céus com o seu pássaro, derrotávamos inimigos as nossas próprias mãos e no final do dia, voltávamos a salvar a princesa Zelda, desta vez, das mãos de Ghirahim.

Nesta versão para a Nintendo Switch, vamos poder explorar esta aventura de duas formas: a mais tradicional, ou seja, com os botões da pequena Lite ou através do Joy-Con onde ainda podes viver a ação recorrendo a movimentos físicos, não de forma tão ampla como na antecessora, mas ainda assim para trazer uma experiência mais próxima ao original. Link, Fi e a Goddess Sword, companheira de luta que ajuda o nosso protagonista a descobrir o seu verdadeiro papel de herói, vão juntos através dos céus ou da Superfície abaixo das nuvens, cheios de coragem e determinação, repor a ordem e a paz dos seres gananciosos que pretendem ter todo o poder nas suas mãos.

Quer tenhas jogado versão anterior ou não, de certeza que “The Legend Of Zelda: Skyward Sword HD” tem um lugar guardado, à espera da sua chegada na estante de videojogos onde exibes com orgulho as aventuras que protagonizaste até hoje. Aguardámos juntos por este dia e ele finalmente chegou! Hoje, já vais poder reviver esta maravilhosa história, só na tua Nintendo Switch.

 

Metade humana, metade geek, esta espécie rara do universo gaming não dispensa uma tarde de jogatinas como nos bons velhos tempos com os vizinhos do bairro. Mal sabia ela que esta pequena paixão um dia se ia tornar num verdadeiro amor pela Cultura POP, daqueles para a vida toda. Jogos, animes, k-pop, séries, filmes, venham eles e é uma miúda feliz. Fazer gameplays é totalmente a sua praia, por isso criou o seu ninho da felicidade no Youtube, onde se dedica ao melhor hobby de todos, que a faz dar as maiores gargalhadas e permitiu encontrar a comunidade onde pertence, sem limites nem julgamentos.